Área do Assinante

Acesse sua conta e leia agora as principais notícias da nossa cidade e região e conteúdos exclusivos d'O SUL DE MINAS.com.

Cadastrar
Perdi minha senha!
Acesse www.osuldeminas.com

Vereador que votou aumento para 17 afirma que deve valer a vontade popular de manter 10 vereadores

19/01/2015 às 08:00

Recordemos:
- Dia 04-02-2013, com apenas um mês de mandato, sem o povo saber, foi aprovado em 1º turno o aumento de 10 para 17 vereadores. A Transparência Itajubá (TI) fez uma divulgação maciça do fato. A aprovação em 2º turno foi antecipada para dia 14-02, quinta-feira, depois do Carnaval, em sessão extraordinária. Mesmo assim, houve muitos protestos dentro e fora da Câmara.
Os 08 políticos que aprovaram o aumento para 17 vereadores são: Joel Carlos de Almeida, José Maria Silva, Luiz Fernando Gonzaga, Wilson Marins, Sebastião Silvestre, Rui Martins e Waldomiro Cortez. O vereador Robson Vaz não votou, mas foi coautor do projeto. Os vereadores Ricardo Mello e Antônio Santi votaram contra.
- Dia 06-03-2013, a TI promoveu, na praça Theodomiro Santiago, um ato público em repúdio à aprovação do aumento para 17 vereadores. Centenas de itajubenses manifestaram a sua revolta.
Outras manifestações de protesto aconteceram seguidamente em Itajubá, em facebook, na imprensa falada e escrita. E no grande movimento de 20 de junho de 2013, quando cerca de 8.000 itajubenses saíram às ruas para protestar, entre outras indignações, carregando cartazes e faixas demonstraram ser contra o aumento para 17 vereadores. Na época, o ex-presidente da Câmara, Robson Vaz, prometeu reavaliar o projeto. Mas, de concreto, nada aconteceu.
Essa indignação contra o aumento para 17 vereadores continua viva na mente dos cidadãos itajubenses. Para a Comunidade não interessa esse aumento, porque haverá muito mais gastos de dinheiro público. Salários para mais 07 vereadores, mais 07 assessores, despesas com mais 07 gabinetes, mais despesas de viagem e gastos com mais infraestrutura predial.                                                                                                                       Os maiores interessados são os próprios vereadores, porque diminui o quociente eleitoral e poderá facilitar a sua reeleição.
 Itajubá é um município que tem um baixo orçamento. E tem outras prioridades. Há necessidade de mais recursos, principalmente para as áreas de saúde, de assistência social e implantação urgente de sistema monitorado de câmeras de segurança.
A seguir, quadro comparativo entre os municípios de Itajubá, Pouso Alegre e Poços de Caldas, com os números da população, do orçamento para 2015 e do número de vereadores:
Poços de Caldas e Pouso Alegre têm orçamentos e população bem maiores que Itajubá. De acordo com a Emenda Constitucional 58/2009, Pouso Alegre poderia ter aumentado para 19 vereadores. E Poços de Caldas para 21. Ambas aumentaram para 15. Como vemos o orçamento por habitante de Pouso Alegre e de Poços de Caldas é quase o dobro do de Itajubá. E eles não aumentaram para 17 vereadores.
Na 1ª reunião do ano, dia 12-01, o vereador Wilson Marins fez o seguinte pronunciamento sobre o aumento para 17 vereadores:
“Analisando e ouvindo o clamor de todo o povo, eu passo, a partir de hoje, a minha posição favorável a revermos essa decisão tomada.” “Gostaria de deixar bem claro, que estive também analisando a incoerência que eu estou tendo de querer defender que Itajubá tenha mais remédio, que as consultas sejam mais agilizadas, que as coisas venham acontecer melhor, e, por outro lado, eu defendendo maior gasto do Legislativo.” “Com certeza, 17 vereadores pela situação que foi já trazida está sendo clara, com a receita do município está tendo, esteve nesses 02 anos, com certeza, nós não comportaremos 17 cadeiras.” “Com certeza, os nobres colegas vereadores estarão também revendo as suas posições e nós estaremos, com certeza, fazendo valer a vontade popular de que é manter 10 cadeiras na Casa Legislativa em Itajubá.”
Esperamos que essa reflexão sobre a realidade financeira do município de Itajubá e também de bom senso, manifestada pelo vereador Wilson Marins, leve à reflexão os outros vereadores, que votaram o aumento para 17 vereadores.


Recomendar a um amigo Voltar
Ver todas as notícias em TRANSPARÊNCIA ITAJUBÁ Ver todas as notícias

Mensagem rápida | Editais | Adm | Classificados | Comercial | Leitor

The CAPTCHA image

Em Áudio

Digite abaixo os caracteres acima correspondentes.


cancelar

Jornal O Sul de Minas | Rua Xavier Lisboa, 316 CEP: 37501-042 | Itajubá, MG - Brasil | Telefax: 35 3621 1522

Sites profissionais para o seu negócio